A dieta Low Carb é uma das preferidas entre as mulheres. Por não ser daquelas que necessitam de grandes abstenções na hora de se alimentar, ela tem sido uma das queridinhas para quem quer perder peso de forma mais fácil e saudável. 

Mesmo sendo conhecida, poucas pessoas realmente sabem como seguir a dieta low carb de forma correta e saudável. Para te ajudar e tirar suas dúvidas, vamos esclarecer alguns pontos sobre ela hoje. Confira. 

Como funciona a dieta low carb? 

Basicamente, a proposta da dieta low carb é consumir menos carboidratos refinados e mais comidas de verdade. A ideia de diminuir o consumo de carboidratos se dá principalmente pelo motivo de controlar a insulina. 

Quando consumimos alimentos ricos em carboidratos, ocorre o aumento da glicose e da insulina basal, que pode levar a uma reserva robusta do nutriente e, consequentemente, ao aumento de gordura corporal. Ao consumir menos carboidrato, a produção de insulina diminui, ajudando no emagrecimento. 

A dieta low carb é segura, mas sempre deve ter o acompanhamento de um nutricionista para que as quantidades e os alimentos corretos para seu consumo sejam indicados por ele. 

Alimentos liberados 

Muitas pessoas têm dúvidas sobre quais alimentos são liberados nesta dieta. Fizemos uma listagem para te ajudar:

            

Alimentos não liberados

  • Leite desnatado
  • Doces
  • Massas
    Esqueça o macarrão, lasanha, nhoque…
  • Industrializados
  • Milho
  • Pães
  • Sucos de frutas
  • Tapioca
  • Refrigerante
  • Frutas com alto nível glicêmico
    Banana, melancia, manga, uva e abacaxi são exemplos.
  • Arroz
  • Batata inglesa

A dieta Low Carb realmente emagrece? 

Muitas pessoas ainda têm dúvidas se a low carb realmente emagrece, mas quando seguida de forma correta, ela faz com que o corpo tenha que utilizar a gordura como fonte de energia, processo que não só reduz o tecido adiposo como também ajuda a diminuir o apetite.

Diversos estudos científicos randomizados já demonstram há alguns anos os benefícios e a segurança de uma dieta com restrição de carboidratos no manejo de doenças associadas à resistência a insulina (ex: diabete, obesidade, esteatose hepática – gordura no fígado, hipertrigliceridemia).

Recentemente, a Associação Americana de Diabete passou a defender abertamente low carb como uma das estratégias nutricionais adequadas para o manejo nutricional dos pacientes com diabete. A Associação Americana afirmou, inclusive, no que diz respeito ao controle da glicose no sangue, low carb é a estratégia mais eficaz entre as estudadas.

Gostou da nossa dica de dieta low carb de hoje? Como está sua alimentação durante esse período de quarentena? Para garantir sua saúde também é importante focar numa alimentação saudável e balanceada. Cuide-se! 

Powered by Rock Convert